Lugares Para Viajar Em Minas Gerais

Selecionamos 15 cidades que você não pode perder em Minas Gerais. Não importa o tipo de viagem, você pode descobrir cachoeiras, pontos turísticos e outros lugares fascinantes em MG!

Cidades de Minas Gerais para conhecer

1. Belo Horizonte

Engana-se quem pensa que a capital mineira se tornou a porta de entrada da cidade histórica de Minas Gerais: Belo Horizonte tem muito o que fazer. Os oito museus ao redor da Praça da Liberdade nos aproximam da cultura e da arte do estado, assim como o complexo da Pampulha projetado por Oscar Niemeyer.

A culinária mineira, principalmente os infindáveis ​​queijos, deve ser degustada no Mercado Central. À noite, em qualquer esquina, pode comprovar o título de capital mundial do bar.

2. Ouro Preto

A antiga Vila Rica é um testemunho vivo da época em que a regra de ouro, os intelectuais planejaram a Inconfidência Mineira e Aleijadinho para mostrar sua genialidade através de entalhes e esculturas.

Para provar tudo, você deve subir e descer a encosta de uma forma que você nunca viu antes! No entanto, garantimos que todo o charme das edificações históricas de Ouro Preto, principalmente igrejas e museus, suprirá a falta de mão de obra. Sem falar no festival de inverno que acontece todos os anos. As ruas e os espaços são ocupados pela arte e há muita interação com o público.

3. Mariana

Logo ao chegar, você verá uma placa com as palavras “Minas Gerais nasceu aqui”. Mariana foi a primeira vila a ser elevada a cidade, também remetendo à época da corrida do ouro. A atmosfera aqui não é tanto uma cidade antiga, mas uma cidade pequena.

Essas são todas as coisas interessantes. Vire a esquina e poderá ver edifícios majestosos, como a Igreja de São Francisco de Assis e a Igreja de Nossa Senhora do Carmo, lado a lado.

4. Tiradentes

Considerando a imaculação das casas coloniais e das ruas de paralelepípedos, o ambiente aqui parece uma novela típica das seis horas. Tiradentes é um dos melhores lugares para se visitar em Minas, indicado para quem busca o charme de uma cidade histórica e a tranquilidade de um lugar pequeno.

O vagão pelo centro da cidade e o trem a vapor até São João del Rei são deliciosos, mas o de tirar o fôlego é a culinária mineira, que é o carro-chefe dos melhores restaurantes locais.

5. Carrancas

Carrancas, uma pequena cidade com apenas 4.000 habitantes, é repleta de belezas naturais, principalmente cachoeiras, poços e cavernas. Existem pelo menos sete “complexos”, e cada “complexo” consiste em um conjunto de cachoeiras. Na dúvida, visite o Complexo da Fumaça e o Complexo da Zilda, duas das mais belas e famosas atrações.

6. Diamantina

O bem preservado centro histórico de Diamantina continua a testemunhar a riqueza da mineração de diamantes nos séculos XVII e XVIII. Quem vem à terra natal de Juscelino Kubitschek também pode desfrutar de outros atrativos, como as belezas naturais da Serra do Espinhaço, em especial o Parque do Biribiri. Opte por vir na hora da Vesperata, quando toda a cidade pode curtir shows animados no terraço do casarão.

7. Brumadinho – Inhotim

Com orgulho, a atração do tamanho Inhotim está localizada no Brasil, mais precisamente em Brumadinho. Esta combinação de museu de arte contemporânea e jardim botânico é um lugar único.

Parte da experiência é se surpreender com o que espera o visitante atrás de cada porta de inúmeras galerias. Garantimos que você não precisa ser um conhecedor de arte para ficar completamente fascinado por Inhotim.

8. Monte Verde

Imagine que Minas Gerais também tenha uma “Aldeia Européia” que pode ser chamada de sua própria aldeia. Estamos falando de Monte Verde em Camanducaia, que faz fronteira com São Paulo. Monte Verde é uma cidade ideal para se visitar no inverno, e se tornou muito popular devido à baixa temperatura. Nessa época, restaurantes, bares, chocolaterias e lojinhas estão sempre lotados. Para fugir dos esportes, venha no verão, quando você pode aproveitar esses pontos turísticos e até fazer caminhadas.

9. Capitólio

Esta é apenas uma pequena cidade com 8.000 habitantes no sudoeste de Minas Gerais. Até que é famoso pela beleza natural do Capitólio. O culpado? Cânion da Lagoa das Furnas. Eu posso! A paisagem aqui é uma combinação de falésias rochosas, águas verdes e cachoeiras.

Ver o desfiladeiro de baixo em uma viagem de barco é tão importante quanto ver o desfiladeiro de cima no deck de observação. O Capitólio e as diversas cachoeiras da região completam o passeio.

10. Cordisburgo – Gruta de Maquiné

João Guimarães Rosa, o cidadão mais admirado de Cordisburgo, continua na cidade. As cenas mencionadas nas suas obras, assim como o museu onde o autor nasceu, são locais de inspiração para os amantes da literatura. Porém, o que mais surpreende aqui é provavelmente a Gruta do Maquiné. Suas sete salas são abertas à visitação, repletas de incríveis formações geológicas, e são o berço da paleontologia brasileira.

Deixe um comentário