Lençóis Maranhenses: top dicas para sua viagem

As praias de areia fina e branca marcam o paraíso dos viajantes pelo Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. A lagoa de água doce entre as dunas de areia forma uma paisagem única em todo o mundo.Quando você chega ao topo da paisagem e avista a imensidão dos Lençóis Maranhenses, é impossível não se mexer. Os Lençóis Maranhenses estão localizados na região noroeste de Maranhen, a 250 quilômetros da capital São Luís. Atrai turistas em busca do fenômeno único de uma lagoa de dunas à beira-mar. O melhor dos Lençóis Maranhenses é que a cada nova passagem de água entre as dunas, repete-se a sensação de estar no paraíso. Você está planejando ir para os Lençóis Maranhenses ou sonha em ir para lá? Prepare-se para conhecer um dos lugares mais incríveis do Brasil e do mundo!

Quando ir ao Lençóis Maranhenses

Na hora de ir aos Lençóis Maranhenses, é preciso ficar atento ao calendário para ver o fenômeno dos lagos nas dunas. A alta temporada dos Lençóis Maranhenses ocorre durante e após o período de chuvas, principalmente entre abril e agosto. No pior da seca, de outubro a dezembro, quase todos os lagos desapareceram, e a paisagem repleta de água se transformou em um enorme deserto. Porém, o fato é que os Lençóis Maranhenses são bonitos o ano todo, independentemente de terem lagoa completa. Veja informações mais detalhadas sobre quando ir aos Lençóis Maranhenses.

O que fazer nos Lençóis Maranhenses

O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses ocupa uma área de 155.000 hectares e é considerado o maior parque de dunas do Brasil. A área protegida é grande, mas a área dos Lençóis Maranhenses é ainda maior que o parque nacional. Entre os passeios mais populares estão o Circuito da Lagoa Azul, o Circuito da Lagoa Bonita, a Lagoa das Emendadas e o Canto de Atins. Para quem viaja para os Lençóis Maranhenses, certamente é uma viagem imperdível.

Embora o lago seja a principal atração, a indústria do turismo tem que ir mais longe. Os visitantes dos Lençóis Maranhenses podem investir na Praia de Caburé e Atins por alguns dias, viajar pelos rios Preguiças e Rio Formiga e até experimentar o kitesurf, que está se desenvolvendo rapidamente na região. Tudo envolve o roteiro de veículos 4×4, belas paisagens, águas transparentes e sempre praias de areia fina e branca. Como se não bastasse, ainda é possível admirar o vasto mundo dos Lençóis Maranhenses no viaduto. experiência inesquecível!

Quem quiser uma experiência mais profunda pode investir em um passeio pelo Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses. Este percurso que dura de três a cinco dias é o sonho de muitos aventureiros e, claro, também a melhor e mais intensa forma de vivenciar este local.

Nenhuma paisagem no mundo se compara aos Lençóis Maranhenses. Só isso é suficiente para visitar a área. Porém, apesar de ser um ambiente único, os Lençóis Maranhenses conquistaram todos os visitantes com sua intensa imersão em pura beleza. Para garantir isso, basta assistir ao pôr do sol do alto das dunas ou em um dos lagos. Não é difícil se apaixonar pelo destino. Acontece com todo mundo.

Como chegar aos Lençóis Maranhenses

Chegar aos Lençóis Maranhenses pode não ser a tarefa mais fácil, mas definitivamente vale a pena cada segundo de viagem! Quem visita os Lençóis Maranhenses pode visitar a área por meio de três bases principais: Barreirinhas, Santo Amaro e Atins. Para ver a maior parte da paisagem do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, o ideal é visitar esses três lugares. O único aeroporto da região é o Aeroporto de Barreirinhas, que só aceita voos caros saindo de St. Louis. Portanto, para quem deseja visitar os Lençóis Maranhenses, o melhor aeroporto é o Aeroporto Internacional de São Luís (SLZ).

Para chegar às três bases principais, diferentes rotas e meios de transporte são necessários. A base mais fácil de chegar de St. Louis por transporte público ou transferência privada direta é Barreirinhas. Para Santo Amaro, você pode contratar um serviço de transfer privativo do aeroporto ou de Barreirinhas. Para quem vai a Atins, vale a pena pegar um barco ou 4×4 saindo de Barreirinhas. Para outros, o ideal é contratar um transferidor de Barreirinhas. Veja informações mais detalhadas sobre como chegar aos Lençóis Maranhenses.

Onde ficar nos Lençóis Maranhenses

Quem visita os Lençóis Maranhenses tem três bases principais: Barreirinhas, Atins e Santo Amaro. Embora na mesma área, cada base possui características muito diferentes.

Barreirinhas é a base principal, tem mais infraestrutura, mais tipos de restaurantes, e a maioria dos hotéis e pousadas dos Lençóis Maranhenses ficam aqui. A maioria das viagens para os Lençóis Maranhenses também partem de lá, incluindo sobrevoar as rotas dos Lençóis Maranhenses, Lagoa Azul e Lagoa Bonita, pegar um barco ou quadriciclo até Caburé (com Vassouras e Mandacaru), flutuar em fórmica no rio e seguir para Attin And San Amaro. Para quem viaja por alguns dias, esta é a melhor opção.

Atins é a base mais simples e descolada dos Lençóis Maranhenses. Atins está localizada entre o mar e a lagoa do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses e atrai muitos kitesurfistas e jovens espectadores. Ainda há ruas de areia aqui, e é um paraíso rústico cheio de charme. Atins oferece uma lagoa e uma praia no mesmo lugar, o que é particularmente interessante. A boa notícia é que ambos são facilmente acessíveis. Não há necessidade de viajar todos os dias.

San Amaro tem um estilo de vida real, onde moradores e turistas vivem no mesmo lugar. A cidade que ainda mantém suas características internas é muito tranquila e pouco animada. Comparado com Barreirinhas, o ritmo de vida é muito mais lento. Apesar de não ser a primeira opção de muitos turistas, vale ressaltar que os lagos dessa área do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses são mais bonitos e impressionantes. A vantagem é que o tempo de viagem da cidade aos pontos turísticos é bem menor, pois San Amaro fica quase no parque nacional.

Quanto tempo ficar nos Lençóis Maranhenses

Quanto mais você ficar nos Lençóis Maranhenses, melhor. Há viagens incríveis na área, e cada dia é melhor do que no passado. Como chegar aos Lençóis Maranhenses não é muito simples, desde que você consiga ficar o maior tempo possível. Para entender os pontos turísticos básicos de Barreirinhas, a viagem leva de 4 a 5 dias. Depois de uma semana, você terá tempo de ficar em outra base e conhecer Santo Amaro ou Atins. Agora, se você quer saber tudo e ficar tranquilo, dez dias é uma ótima maneira de conhecer os Lençóis Maranhenses.

Você tem planos de ir aos Lençóis Maranhenses ou quer conhecer esse paraíso? Veja todas as informações sobre quando ir, como chegar, as melhores opções de hospedagem e informações detalhadas sobre os passeios dos Lençóis Maranhenses. Você levará 10 dias para aprender mais sobre a região, mas vale a pena curtir esse espetáculo do Nordeste brasileiro mesmo depois de voltar de São Luís.

Deixe um comentário